domingo ,22 Abril 2018
Home / Noticias / DF tem quase 20% dos leitos de UTIs fechados

DF tem quase 20% dos leitos de UTIs fechados

Resultado de imagem para leitos DF

Pelo menos 20% dos 399 leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) do Distrito Federal estão indisponíveis para o uso dos pacientes. Ao todo, 79 leitos estão de portas fechadas, sendo 34 por falta de profissionais nas unidades de tratamento. Outros 45 estão em manutenção.

De todas as unidades do DF, o Hospital Regional de Santa Maria (HRSM) é o que apresenta uma situação mais crítica. Dos 100 leitos da unidade, cerca de 30% estão indisponíveis. Já o Hospital de Base do DF (HBDF), o segundo maior da capital, que contém 78 leitos de UTI, está com 20 quartos fechados, todos por falta de profissionais da saúde para receber os pacientes.

De acordo com a Secretária de Saúde do DF, para abrir os leitos fechados por falta de profissionais seria necessário contratar mais pessoas. A pasta afirmou que trabalha para renovar o quadro de médicos, mas não apresentou datas para as novas contratações.

Já quanto aos leitos fechados para manutenção, a secretaria informou que contratos estão sendo fechados com as empresas. “Estamos renovando os contratos de manutenção dos equipamentos com as empresas para que os leitos fechados sejam reabertos”, alegou a pasta, que também não apresentou prazo de reabertura.

Ações judiciais

Atualmente, de todos os 399 leitos do DF, cerca de 75% estão ocupados. De acordo com a Defensoria Pública do DF, somente neste ano, 996 pessoas procuraram atendimento do órgão em busca de vagas em leitos de UTI. Destes atendimentos, 619 resultaram em ações judiciais que obrigavam o GDF a disponibilizar leitos.

 

Você pode Gostar de:

Gilmar Mendes suspende lei do DF que prevê doação de alimentos perto de vencer

Texto entrou em vigor em 2016, mas foi questionado pela CNC; ministro diz ver ‘ingerência …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *