domingo ,22 Abril 2018
Home / Cidades - DF / Em um mês, Descoberto sai do menor nível histórico e dobra de volume

Em um mês, Descoberto sai do menor nível histórico e dobra de volume

Passou de 5,3%, em 7 de novembro, para 10,6% na última medição feita pela Adasa. Apesar da melhora, agência reforça importância de economizar água.

Por Gabriel Luiz e Heloísa Fávaro, G1 DF e TV Globo

Barragem do Descoberto, no DF, com 11,7% da capacidade preenchida, em outubro (Foto: Pedro Ventura/GDF/Reprodução)

Barragem do Descoberto, no DF, com 11,7% da capacidade preenchida, em outubro (Foto: Pedro Ventura/GDF/Reprodução)

O nível do volume do reservatório do Descoberto, que abastece a maior parte do Distrito Federal, dobrou em um mês. Passou de 5,3% em 7 de novembro – o nível mais baixo já registrado na história – para os 10,6% da mais recente medição, feita no domingo (10).

Já o reservatório de Santa Maria, que demorou a “esvaziar”, também está demorando a “encher”. Neste período, foi de 21,9% para 23,4%.

Apesar da melhora, a Agência Reguladora das Águas do DF (Adasa) informou que o racionamento continua e que os esforços para economizar água devem permanecer.

“A economia de água tem que ser mais forte agora, pois esse é o momento de recuperação dos reservatórios. O período de chuva recém começou, e o foco da curva de acompanhamento é o final do mês de maio”, afirmou a agência.

Torneira sem água devido a racionamento (Foto: Vanessa Pires/G1)

Torneira sem água devido a racionamento (Foto: Vanessa Pires/G1)

Para o presidente da Caesb Maurício Luduvice, a recuperação dos reservatórios ainda está em fase inicial. “Temos um longo caminho a percorrer”, diz ele.

“É preciso somar esforços da Caesb, do Governo de Brasília e da população para superarmos essa crise hídrica, a mais grave da história do Distrito Federal.”

Para Luduvice, o consumo consciente e racional da água tem que continuar e, na medida do possível, ser ampliado e consolidado. “A escassez de água é um problema mundial e sua solução requer a participação de toda a sociedade”, afirma o diretor da Caesb.

Racionamento

O racionamento de água que atinge a maior parte dos moradores do DF desde janeiro deste ano deve ser mantido, pelo menos, até meados de 2018. Na quinta-feira (7), a Adasa fez previsões para o reservatório do Descoberto até o mês de abril.

Com base na expectativa do clima e nas captações da Caesb, a Adasa estudou três cenários possíveis para a barragem (veja no gráfico abaixo). Segundo a agência, a projeção “mais realista” (e a adotada oficialmente) é de que o Descoberto chegue aos 50% em abril.

Para isso, as chuvas teriam de repetir a intensidade registrada no ciclo hidrológico de 2016/2017 – o pior da história da capital.

Por esse cenário, se o Descoberto alcançar os 50% em abril, a interrupção de fornecimento por 24 horas a cada seis dias será mantida, no mesmo formato atual, e a ameaça de um racionamento de 48 horas segue suspensa.

Outros cenários

Além do cenário realista, outras duas possibilidades foram levantadas pela Adasa e divulgadas nesta quinta. Na apresentação, a agência reforçou a mensagem de que todas as simulações têm “alto grau de incerteza”. Os cenários alternativos são:

  • o “pessimista”, que trabalha com o reservatório do Descoberto em 34%, em abril. Neste caso, segundo o diretor-presidente da Adasa, Paulo Salles, há “possibilidade de um segundo dia de racionamento”.
  • o “otimista”, que prevê até 71% de preenchimento do Descoberto em abril. Para isso, é preciso que o ritmo de chuvas no DF tenha uma alta de 20% em relação à média histórica. Mesmo nesse caso, não há uma indicação de que o racionamento de um dia chegue ao fim.
Curvas de acompanhamento do Descoberto
Adasa montou três projeções até abril: uma otimista, uma realista e uma pessimista
Volume útil do reservatório11114343585868687171151532324343505050502727333337373434Projeção ‘otimista’Projeção ‘realista’Projeção ‘pessimista’Dezembro/17Janeiro/18Fevereiro/18Março/18Abril/18Maio/18020406080

Abril/18
● Projeção ‘pessimista’: 37
Fonte: Adasa

Você pode Gostar de:

Mulher é estuprada em passarela subterrânea da Asa Sul

O suspeito foi preso em flagrante pela Polícia Militar no comércio local da 106 Sul …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *