domingo ,27 Maio 2018
Home / Noticias / Prévia da inflação oficial tem a maior taxa para maio desde 1996

Prévia da inflação oficial tem a maior taxa para maio desde 1996

IPCA-15 passou de 0,51% em abril para 0,86%, em maio.
Aumento de preços de alimentos e remédios pressionou indicador.

O Índice de Preços ao Consumidor – Amplo 15 (IPCA-15), considerado uma prévia da inflação oficial, passou de 0,51% em abril para de 0,86% em maio, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta sexta-feira (20).

A taxa é a maior para o mês de maio desde 1996, quando o IPCA-15 registrou alta de 1,32%, conforme aponta o IBGE, em nota.

No ano, o indicador acumula avanço de 4,21% – abaixo dos 5,23% registrados em abril, e, em 12 meses, de 9,62%, acima dos 9,34% no período anterior.

O que mais puxou a prévia da inflação neste mês foram os alimentos – principalmente farinha, feijão e leite – que ficaram 1,03% mais caros, e os remédios, que tiveram reajuste de 6,5%.

Com isso, os grupos de alimentação e bebidas e de saúde – que incluem esses itens e são usados para o cálculo do IPCA-15 – registraram as taxas de variação mais altas em maio. No primeiro, o índice passou de de 1,35% para 1,3% e no segundo, de 1,32% para 2,54%.

Segundo o boletim Focus, do Banco Central, a previsão do mercado para o IPCA deste ano é de 7%. Com isso, ainda permanece acima do teto de 6,5% do sistema de metas e bem distante do objetivo central de 4,5% fixado para 2016.

Você pode Gostar de:

Nota Legal do DF passar a gerar créditos na compra de medicamentos

Mudança começa a valer em 2018 e prevê devolução de 7,5% do ICMS. Até então, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *